O Auxílio taxista é um benefício criado pelo governo federal para ajudar os taxistas a lidarem com o aumento dos combustíveis.

O mundo todo sofreu as consequências da pandemia, e depois da guerra entre a Rússia e Ucrânia.

Esses fatos somados à forma como os governos administraram sua política econômica, trouxeram sérias consequências a todos.

Publicidade - OTZAds

Especialmente, às classes que precisam dos combustíveis como elemento essencial ao seu trabalho. Nesse caso, os taxistas sofreram muito no período.

Dessa forma, a Ementa Constitucional nº 123 de 14 de julho de 2022 trouxe certo alívio, aprovando o Auxílio taxista.

Veja como esse auxílio funciona, quem tem direito e quando ele estará disponível para saque.

Até quando irá o auxílio taxista?

Em primeiro lugar, é preciso entender que o auxílio foi aprovado até o mês de dezembro. Ou seja, para 2023 não existe previsão no orçamento para o auxílio.

Publicidade - OTZAds

Assim, os taxistas podem contar com o pagamento apenas até o final do ano de 2022. Quanto ao valor, o limite é de R$ 1000.

Os taxistas receberão ao todo 4 parcelas, contadas então a partir do mês de julho. É uma boa ajuda ao profissional que sofreu com a alta nos combustíveis. Saiba mais sobre o auxílio taxista.

https://taxabrasil.com/2022/08/12/auxilio-caminhoneiro/

NOVIDADES

Quem tem direito ao auxílio?

A princípio, os profissionais que possuem direito ao benefício do governo federal são os taxistas cadastrados pela prefeitura.

Esse cadastro, no entanto, deve ter sido feito até a data limite, ou seja, dia 31 de maio de 2022. Contudo, apenas os profissionais titulares da concessão poderão receber.

Essa informação é importante por que alguns taxistas “alugam” suas concessões. Desse modo, apenas os titulares terão direito ao benefício.

Em algumas cidades, existem as permissões, licenças, bem como, autorizações que regulam o trabalho dos taxistas.

Assim, terá direito ao auxílio taxista apenas os profissionais que constarem nos cadastros das prefeituras como os titulares dessas concessões.

Publicidade - OTZAds

Outro fator que traz influência direta ao recebimento do auxílio, é que o profissional deve estar em plena função profissional. Além disso, a CNH e seu CPF devem estar sem nenhuma restrição.

Quem não pode receber o auxílio?

Em primeiro lugar, as pessoas que tiverem pendências no CPF terão dificuldades para receber o auxílio taxista.

Outro fator que trará complicações para o recebimento é se o profissional completou 18 anos após o dia 31 de maio de 2022.

Se o profissional recebe benefício por incapacidade permanente, ou seja, se ele foi aposentado por “invalidez”, não receberá o auxílio.

Publicidade - OTZAds

O que o taxista precisa fazer para receber o auxílio?

O taxista não precisa fazer nenhum tipo de cadastro especial para ter direito ao benefício. As prefeituras encaminharão os dados ao governo.

Dessa forma, se você é taxista cadastrado na prefeitura de sua cidade, seu benefício está assegurado.

Para movimentar o valor é bem simples, o pagamento é feito pela Caixa Econômica Federal. E o Caixa Tem será o meio para o profissional movimentar a conta.

Assim, se você quiser saber mais sobre benefícios, e aplicativos do governo, acesse o site Taxa Brasil.