O aplicativo do Bolsa família lançado pela Caixa Econômica Federal é uma ferramenta que traz informações importantes sobre o benefício.

Ou seja, se sua família recebe o Bolsa Família, você pode usar o aplicativo para diversas funções, como por exemplo:

Conferir as datas de pagamento, ver um extrato detalhado e também consultar as parcelas liberadas.

Publicidade - OTZAds

As informações são relativas aos últimos 12 meses.

O aplicativo também traz dicas financeiras e você pode tirar suas dúvidas com a opção “Preciso de ajuda” que se encontra nele.

Se preferir, também é possível entrar em contato pelo telefone 0800-726-0207.

Em suma, o aplicativo do Bolsa Família facilita o acompanhamento das informações do programa.

Portanto, confira abaixo o passo a passo para utilizá-lo.

Publicidade - OTZAds

Como fazer uso do aplicativo

  • Em primeiro lugar, você deve baixar o aplicativo do Bolsa Família que está disponível tanto para Android quanto para iOS
  • Em seguida, abra o aplicativo e clique em “Acessar”.
  • Preencha seu CPF e sua senha CAIXA para entrar.

A senha CAIXA é referente aos outros aplicativos CAIXA (FGTS, Habitação e Trabalhador).

Se você ainda não possui uma, é preciso fazer um novo cadastro.

Para isso, você deve clicar na opção “Cadastre-se”.

  • O aplicativo irá solicitar seus dados pessoais para o novo cadastro.

Você deve preencher suas informações, como por exemplo: Nome completo, data de nascimento, CPF e um e-mail válido.

– Em seguida, escolha uma senha.

  • Depois que definir sua senha, acesse o e-mail informado e procure pela mensagem que foi enviada pelo [email protected].
  • Abra o e-mail e clique na opção “Link para verificação de endereço de e-mail”.
  • Clique em “Confirmar” e assim a verificação estará completa.

Agora que você já tem um novo cadastro, basta entrar no aplicativo do Bolsa Família com seu CPF e a senha que criou.

Pronto! Dessa forma você terá todas as informações sobre o benefício de forma rápida e prática.

Publicidade - OTZAds

Como funciona o Bolsa Família

O Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda que foi criado em outubro de 2003.

Ele auxilia as famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o Brasil.

Graças a esse benefício, milhares de pessoas em nosso país conseguem ter direito à alimentação e acesso à educação e saúde.

Podem fazer parte do programa famílias que estejam dentro do seguinte limite de renda:

Publicidade - OTZAds
  • Famílias que têm renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa (consideradas extremamente pobres);
  • Famílias que têm renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178,00 por pessoa (consideradas pobres).

Contudo, as famílias pobres participam do programa desde que tenham gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos entre seus membros.

O valor do auxílio é determinado de acordo com a composição familiar.

As famílias que desejam se inscrever no programa devem se dirigir ao Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) de seu município.

É preciso se inscrever no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) para passar pela seleção.

Os aprovados pelo Ministério da Cidadania são incluídos no programa e passam a receber a ajuda.

Bolsa do Povo – Saiba como conseguir auxilio do Governo